jusbrasil.com.br
17 de Dezembro de 2017
    Adicione tópicos

    Testes de DNA em fezes caninas para multar donos de cachorros

    Espaço Vital
    Publicado por Espaço Vital
    há 8 anos

    Moradores de um condomínio de luxo na região de Inner Harbor, em Baltimore, no Estado de Maryland, EUA, propuseram à prefeitura local a realização de testes de DNA nos cães para punir os proprietários que não retiram as fezes dos seus animais de estimação no pátio interno do prédio e nas calçadas das ruas da cidade.

    A proposta está sendo analisada pelo conselho de moradores. Segundo o prefeito, "se a ideia for aprovada, um laboratório será contratado para detectar a procedência dos dejetos".

    A proposição sugere que proprietário que for identificado como dono do cão cujas fezes foram deixadas, terá que pagar uma multa de US$ 500 (cerca de R$ 917). "É absolutamente ridículo", disse Richard Hopp, um advogado que mora no prédio há quatro anos e é dono do cão Sparky. As informações são do jornal local The Baltimore Sun.

    Steve Frans, outro morador do condomínio, é favorável à iniciativa. "Nós pagamos todo esse dinheiro e ainda vivemos pisando em fezes de cachorro. Trazemos convidados aqui e assim eles são recebidos", afirmou ao jornal americano.

    "Algumas pessoas acham que é engraçado. Mas esta proposta parece ser uma maneira razoável e objetiva de dizer: ´este é o cocô de seu cachorro, você é responsável", completou.

    Segundo os proprietários favoráveis à proposta, o problema precisa de uma solução urgente, pois chegou a um ponto que excrementos de cão já foram encontrados até dentro do elevador.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)