jusbrasil.com.br
4 de Dezembro de 2020

Humilhação omitida

Espaço Vital
Publicado por Espaço Vital
há 6 anos

Humilhao omitida

Uma unidade do Google escondeu notícias e textos considerados muito "negativos" ou "humilhantes" sobre a derrota da seleção brasileira por 7 a 1 contra a Alemanha.

Uma equipe de cientistas, tradutores e redatores adaptou conteúdos surgidos durante a Copa do Mundo que poderia ser "viralizado" (compartilhado rapidamente) nas redes sociais.

No serviço "Google Trends" em português, textos sobre "humilhação" ou "vergonha" (termos entre os mais pesquisados no Google brasileiro no fatídico 8 de julho do jogo) não foram listados.

Mas o tiro saiu pela culatra. As notícias sobre a omissão da "humilhação" terminaram ganhando as redes sociais.

Segundo a jornalista Aarti Shahani, da rádio pública americana NPR, que visitou a redação do Google em San Francisco, "a equipe decidiu não publicar textos sobre os termos mais pesquisados porque eram muito negativos".

No mesmo dia, o serviço em alemão do Google registrava recorde nas pesquisas com perguntas sobre "qual foi o maior número de gols em uma partida de Copa do Mundo". Ao contrário do que aconteceu no Brasil, o conteúdo sobre essas buscas foi produzido para o Google Trends.

Questionado sobre a manipulação, um dos redatores do Google, Sam Clohesy, disse à NPR que "não vale jogar sal nas feridas" e que "uma história negativa sobre o Brasil não ganharia muita atração nas mídias sociais".

14 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)

Como se futebol fosse importante. Humilhado e envergonhado estou pelos diversos casos de corrupção denunciados, comprovados, divulgados e que não resultaram em punição aos seus mentores...Isso sim é humilhação e vergonha... continuar lendo

Concordo com cada palavra Eduardo! continuar lendo

Se numa matéria sem importância alguma, optou-se por omitir informação, imagine-se o que não se fará sobre temas de relevância nacional! 'Pois quem não é fiel no pouco, não pode ser fiel no muito.' continuar lendo

Que linda atitude. Quanto dinheiro essa equipe ganhou para omitir verdades? Foi em dólares? O quanto desse dinheiro vai retornar ao Brasil? O desgoverno já compra o silêncio da nossa mídia, agora está comprando resultados de sistemas de informação? Vão apelar para a "Lei do Esquecimento"? Quanta sacanagem. O Brasil deve ser tal como é lá fora. Aparentemente somos vistos como uma gigantesca Disney... Só que mais legal ainda, porquê é quase impossível ver coisas negativas sobre o Brasil desse jeito. continuar lendo

Imaginem nas eleições o que não será escondido. E as falcatruas dos corruptos, também sofre dessa omissão. Temos que mudar isto. continuar lendo